Notícias

Rodovias devem receber 2 milhões de veículos no feriado

 

Concessionárias paulistas iniciam a partir desta quinta-feira (30/4) operações especial para o feriado do Dia do Trabalho (1/5). A previsão é de que o tráfego de saída seja intenso de quinta- -feira das 15h às 23h e das 5h ao 13h da sexta-feira. Já o retorno deve movimentar um maior número de veículos das 14h às 22h do domingo. Durante o feriado, aproximadamente 2,3 milhões de veículos devem circular pelas rodovias paulistas concedidas que saem da Região Metropolitana de São Paulo. Somente no Sistema Anhanguera-Bandeirantes, a previsão é de 660 mil. No site da Artesp os motoristas e jornalistas terão acesso ao novo serviço de boletins sonoros com informações sobre as condições de trafego nas rodovias.

No Sistema Anchieta/Imigrantes, a concessionária Ecovias prevê aumento do fluxo a partir das 16h da sexta-feira em direção ao litoral, quando será implantada a operação descida (7X3). Durante essa operação, os motoristas com destino ao Litoral têm como opção as duas pistas da via Anchieta e a pista sul da rodovia dos Imigrantes. A subida será realizada somente pela pista norte da Imigrantes. A previsão é que a Operação Descida fique em vigor até as 2h da sexta-feira e volte a ser implantada entre 8h e 15h do mesmo dia. A Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI), estima que entre 180 mil e 270 mil veículos desçam a serra em direção ao litoral paulista durante o feriado do Dia do Trabalho.

Na volta do feriado, a previsão da Ecovias é que o fluxo de veículos para subir a serra em direção à Capital Paulista intensifique-se às 11h do domingo, quando deve ser implantada a Operação Subida (2×8). Neste esquema, as duas pistas da rodovia dos Imigrantes e a pista norte da Anchieta serão destinadas aos veículos que retornam a São Paulo, enquanto a pista sul da Anchieta ficará à disposição dos motoristas com destino ao Litoral. Vale lembrar que a inversão de sentido das rodovias do SAI, durante as operações de tráfego, acontece apenas no trecho de serra – entre os km 40 e o km 55 da Anchieta, e do km 40 ao km 57 da rodovia dos Imigrantes.

Já no Sistema Anhanguera-Bandeirantes, são esperados 660 mil veículos durantes do feriado. Os horários de maior movimento no Sistema Anhanguera-Bandeirantes estão previstos pela AutoBan para quinta-feira, das 15h às 20h, na sexta, das 10h às 13 e domingo, das 12h às 20h.

Na sexta-feira (01) e no domingo (03), das 14 às 22 horas, os caminhões que se destinam à Capital pela Rodovia dos Bandeirantes devem utilizar a Via Anhanguera no trecho do km 48 ao km 23, entre Jundiaí e São Paulo, acessando a rodovia pela Saída 48 da Bandeirantes.

Os motoristas que seguem pelo Sistema Catello-Raposo devem encontrar maior movimento nos horários de pico previstos para quinta-feira, das 14h às 23h, sexta-feira das 6h às 13 e domingo das 10h às 22h.

A concessionária ViaOeste estima 558 mil veículos irão circular na Castello entre São Paulo e Itu e na Raposo de São Paulo a Araçoiaba da Serra. As obras em execução no Sistema, que possam causar interferência no tráfego, como desvios ou interdições de pista, serão suspensas durante os horários de pico estabelecidos, para que os usuários possam trafegar com capacidade plena da rodovia. Nos dias 1 (sexta-feira) e 3 de maio (domingo), o tráfego de caminhões estará proibido na rodovia Castello Branco.

No corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto devem circular mais de 800 mil veículos devem passar pelo corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto neste feriado do Dia do Trabalho. A previsão da concessionária Ecopistas é que a movimentação seja maior amanhã, entre três e seis da tarde, e na sexta-feira de manhã, entre nove horas e meio dia. Na volta pra casa, no domingo, o maior fluxo de veículos é esperado entre duas da tarde e cinco horas.

Fonte: O Carreteiro

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Receba nossa newsletter!

Fique por dentro das novidades do setor.

© 2020 – Sindicato das Empresas de Transportes e Cargas de Campinas e Região – SINDICAMP – Todos os direitos reservados | Desenvolvido por PrinciWeb