Notícias

Produção de aço no Brasil cresce 3,8% em fevereiro, diz Aço Brasil

A produção brasileira de aço bruto em fevereiro cresceu 3,8% em relação à do mesmo mês de 2020, para 2,8 milhões de toneladas, informou nesta quarta-feira a entidade que representa as usinas, Aço Brasil.

Já as vendas internas no mês passado avançaram 20,9% ano a ano, para 1,9 milhão de toneladas.

As exportações de 657 mil toneladas do setor em fevereiro, representaram queda de 28,5% sobre um ano antes. Enquanto isso, as importações foram de 334 mil toneladas, salto de 123,5%.

Os números vêm na esteira de fortes altas dos preços do aço no Brasil e no mundo.

A produção brasileira de aço bruto foi de 5,8 milhões de toneladas no acumulado de janeiro e fevereiro deste ano, o que significa aumento de 7,3% em relação ao mesmo período de 2020.

As vendas internas de laminados no bimestre atingiram 3,7 milhões de toneladas, 24% acima do que no mesmo período de 2020. O consumo aparente, de 4,3 milhões de toneladas, representou um aumento de 25% em relação a janeiro e fevereiro de 2020.

No entanto, a entidade afirmou que a evolução dos preços do aço no Brasil acompanhou a tendência mundial, o que “demonstra que não houve qualquer movimento especulativo por parte das usinas brasileiras”.

Apesar da situação de agravamento da crise gerada pela pandemia no país, o presidente executivo do Instituto Aço Brasil, Marco Polo de Mello Lopes, afirmou em comunicado que a perspectiva da indústria brasileira do aço para 2021 é otimista, diante da previsão de maior consumo de aço na construção civil, obras de infraestrutura, e de maior participação da indústria nacional no setor de óleo e gás e energia renovável.

Fonte: MoneyTimes

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email