Notícias

Campinas cria mais de 220 mil empregos formais em 2023; setor de serviços foi destaque

Dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego, nesta terça-feira, apontam que Campinas fechou 2023 com um saldo positivo de 13.205 contratações com carteira assinada.

Ao todo, o município teve 222.297 admissões e 209.092 desligamentos.

O número de contratações foi ligeiramente maior que o de 2022, quando Campinas teve 219.132 vagas de emprego formal preenchidas, o que equivale a um aumento de 1,44%

Os setores que mais se destacaram foram o de Serviços, com a contratação de 138.386 trabalhadores e um saldo de 8.663, e também o Comércio, que obteve 51.160 vagas preenchidas e um saldo positivo de 2.120. Por outro lado, o setor do agronegócio foi o único que fechou com saldo negativo, ou seja, mais desligou do que contratou.

Quando analisado mês a mês, apenas o mês de dezembro, teve saldo negativo, com 3.729.

Em um cenário mais amplo, o Estado de São Paulo foi o que teve o maior saldo na criação de empregos em 2023, com 390,7 mil. Ele foi seguido pelo Rio de Janeiro, com 160,6 mil e Minas Gerais, com um saldo de 140,8 mil.

No total, o Brasil registrou saldo positivo de 1.483.598 empregos formais em 2023. No acumulado do ano, foram registradas 23.257.812 admissões e 21.774.214 desligamentos.

Fonte: CBN Campinas/ Foto: Arquivo CBN

Compartilhe: