Notícias

Agentes da CET também entram em greve em SP; rodízio é suspenso.

21869 1 - Sindicamp

Além da greve dos metroviários, que terá início nesta quinta-feira (5) em São Paulo, agentes da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) também decidiram paralisar por tempo indeterminado a partir de amanhã.

A greve dos marronzinhos foi aprovada em assembleia da categoria na noite de hoje. Os trabalhadores exigem reajuste salarial de 12%, mas a CET oferece 8%. A categoria reivindica a aumento de 20% no vale-refeição a empresa propôs 12%.

A CET decidiu suspender o rodízio municipal de veículos na capital nessa quinta-feira (5) por conta da greve do Metrô. Com a medida, veículos com placas final 7 e 8, que estariam sujeitos à restrição, poderão circular livremente, sem risco de multa.

Segundoa CET, haverá remanejamento da equipe para reforçar o efetivo em campo conforme o impacto do movimento na operação do trânsito. A companhia diz que “causa estranheza a decisão tomada (greve), pois a CET realizou uma série de reuniões com o Sindviários mas, infelizmente, a entidade recusou a proposta apresentada e aceita pela direção do sindicato.”

A EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) irá alterar o trajeto de dez linhas que ligam cidades da região metropolitana às estações Tucuruvi e Parada Inglesa da Linha 1-Azul. Com a greve, as linhas serão estendidas até a estação Tietê.

Não haverá alteração na circulação dos ônibus da EMTU nas demais regiões e municípios da Grande São Paulo. Segundo a assessoria de imprensa da empresa, a avaliação é que a aumentar o número de ônibus circulando pode piorar a situação do trânsito.
Fonte: Setcesp.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Scroll Up